Segunda-feira, 20 de Janeiro de 2020
Brasil

Procon-SP notifica Magazine Luiza sobre reclamações por cupons de descontos

Publicada em 09/01/20 às 06:53h - 44 visualizações

por Bem Paraná


Compartilhe
   

Link da Notícia:

Bem Paraná  (Foto: Rádio Lara FM 87,5 MHz)

O Procon-SP notificou nesta quarta-feira, 8, o Magazine Luiza para que a varejista faça esclarecimentos sobre a promoção de cupons de desconto divulgada pelo aplicativo da varejista. Em nota, a entidade diz que muitos consumidores reclamaram, via redes sociais, que não conseguiram utilizar os cupons.

De acordo com o Procon-SP, o Magazine Luiza terá que informar a quantidade de cupons disponibilizados e comprovar a utilização, com identificação do consumidor e do produto. Além disso, o órgão pede que a varejista aponte os produtos que faziam parte da campanha, forma de comercialização e divulgação, extensão geográfica da promoção, mecanismos de controle dos cupons pelos consumidores, e se havia condições preferenciais de participação, além da providências tomadas diante das falhas para concluir a compra.

Entenda o caso

A Magazine Luiza esteve entre os assuntos mais comentados do Twitter na terça-feira (7) após distribuir cupons de R$ 1.000 de desconto para usuários do aplicativo. Consumidores afirmaram que os cupons não funcionavam e acusaram a empresa de usar perfis falsos para promover a ação. Em nota, a empresa justificou as críticas dizendo que “a demanda foi muito grande e [os benefícios] acabaram muito rápido”, mas garantiu que os cupons eram reais e compartilhou relatos de clientes que conseguiram aproveitar a promoção.

O cupom foi disponibilizado para compras pelo aplicativo da Magazine Luiza cujo valor total ultrapassasse R$ 1.001 em produtos vendidos e entregues pela varejista. A promoção começou às 16h e distribuiu 50 cupons, esgotados em cerca de 30 minutos.

Após as críticas, a Magazine Luiza disponibilizou mais 500 cupons de R$ 1.000, válidos nas mesmas condições, no começo da noite. Desta vez, os cupons esgotaram em cerca de 10 minutos. A empresa diz que mais pessoas conseguiram aproveitar a segunda leva do que a primeira.

Para comprovar a legitimidade da ação, a empresa compartilhou no Twitter até mesmo uma lista de clientes que usaram o cupom de R$ 1.000, com nome, cidade, estado, produtos comprados e valor gasto.




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (44) 99947-1691

Visitas: 51980
Usuários Online: 101
Copyright (c) 2020 - Rádio Lara FM 87,5 MHz